Arquivos Diários: 1 dezembro, 2020

Liderança Cirúrgica

Tradicionalmente, a marca de um grande cirurgião está relacionada à habilidade técnica, conhecimento e perspicácia diagnóstica, enquanto pouco foco é dado a outras habilidades de Liderança. Hoje, as habilidades não técnicas, como habilidades de comunicação e liderança, acabam se traduzindo em maior segurança do paciente, experiência e resultados. O dia em que o cirurgião inicia seu primeiro trabalho o define como um líder, e isso é particularmente verdadeiro para o cirurgião do Aparelho Digestivo, pois é imediatamente considerado um especialista. Os cirurgiões são líderes preparados para aproveitar as muitas oportunidades de desempenho que as posições acadêmicas fornecem para executar seus interesses fora do atendimento tradicional ao paciente. Algumas pessoas nascem com habilidades de liderança e outras as desenvolvem com o tempo. É claro que esse processo deve começar cedo e que os estudantes de medicina e residentes devem estar preparados para papéis de liderança conforme RODRIGO VIANA explica neste vídeo para ajudar no desenvolvimento das habilidades críticas e não clínicas relacionadas à liderança de uma equipe e ao ensino. Para alguns, os papéis principais podem mudar ou desviar a carreira do atendimento ao paciente. Para outros, um equilíbrio entre as carreiras clínicas e administrativas pode ser cumprido em um papel definido. Independentemente disso, estabelecer metas e trabalhar para alcançá-las dentro da construção de uma equipe é a marca de todos os líderes de sucesso.

Caminho das Pedras
%d blogueiros gostam disto: